menu

6 erros que a tecnologia ajuda a evitar na logística de distribuição do seu negócio

Em: Entregas
logística-de-distribuição

Foi-se o tempo em que a logística de distribuição de uma empresa era feita por meio de papéis, que circulavam entre a organização, fornecedores e clientes. Hoje, uma gestão de entregas eficiente e sem falhas deve contar com o auxílio da tecnologia.

E ela não deve ser usada, somente, para otimizar a comunicação, mas também no próprio controle das entregas realizadas. Afinal, é sabido que a logística de distribuição é um dos pontos que mais influencia na lucratividade da empresa e na satisfação do cliente, logo, merece contar com as melhores ferramentas.

Para lhe mostrar como a tecnologia pode ser uma grande aliada nessa etapa, preparamos uma lista com os 6 erros que ela ajuda a evitar na sua logística de distribuição, quando bem aplicada. Acompanhe.

1. Não ter o controle rigoroso dos pedidos e da entrega

O grande problema da gestão manual é que ela é mais sujeita a erros e falhas durante os processos. Para uma gestão de entregas eficiente, é preciso saber, exatamente, quando a mercadoria saiu, em que ponto da entrega ela está e quando ela foi, efetivamente, entregue.

Isso ajuda a melhorar o planejamento das demandas, distribuir o trabalho entre o time, além de passar confiança ao cliente quando este percebe que o produto dele não dá “um passo” sem que a sua empresa saiba quando e para onde.

2. Manter a frota desatualizada

Você já ouviu falar da telemetria? Por ser um sistema de monitoramento, ela é usada para rastrear e medir comportamentos de algum equipamento que esteja distante.

A telemetria é muito aplicada na gestão de frotas para acompanhar o desempenho dos veículos e motoristas, gasto de combustível, entre outras informações que ajudam o gestor a visualizar quais os processos precisam de melhorias para aumentar a produtividade.

3. Desconsiderar as rotas de mercadorias

O detalhamento das rotas das mercadorias é essencial para precificar corretamente o frete e calcular os custos da entrega. Não usar de um sistema apurado que faça o cálculo automático da quilometragem pode acabar causando gastos que poderiam ser evitados.

Atualmente, é possível contar com soluções que acompanham em tempo real as entregas e disponibilizam todas as informações, incluindo a visualização da rota até o fim do processo, para que os cálculos sejam feitos sem falhas.

4. Não se preocupar com a segurança dos dados

Atualmente, a segurança da informação é um dos aspectos mais importantes para empresas de todos os segmentos. A quantidade de dados sigilosos e cruciais para a operação dos negócios aumentou consideravelmente, e é preciso tomar medidas para que eles sejam protegidos e à salvo de perdas ou de tentativas de ataques criminosos.

A tecnologia mantém os seus dados de estoque mais seguros. Imagine perder toda uma papelada referente às movimentações de determinado fornecedor? Com as informações sendo controladas por uma rede de computadores, esse risco é, praticamente, eliminado.

5. Possuir uma comunicação falha com o time

Como vimos, a comunicação entre as peças envolvidas na gestão de entrega é parte essencial para que tudo saia dentro do planejado. Se ela não está presente na rotina da sua empresa, é hora de investir em uma solução que melhore a comunicação, como o uso de dispositivos móveis, que podem, também, ser utilizados para trocar ordens de serviço de qualquer lugar e evitar deslocamentos desnecessários.

Outro benefício da facilidade de comunicação é o registro de status a partir de imagens. Com essa ferramenta, é possível para o motorista registrar ocorrências tirando fotos de onde estiver e enviá-las aos seus supervisores para as devidas providências.

Por exemplo, no caso de uma fila muito longa no momento da entrega o motorista pode enviar a ocorrência para seus superiores decidam qual a melhor abordagem: esperar ou retornar depois, ou também no caso da necessidade de corrigir entregas, é possível enviar a ocorrência ainda do cliente, para que a equipe no armazém agilize o processo e já prepare a carga correta.

6. Não contar com dados confiáveis na sua logística de distribuição

Para fazer um bom planejamento, é preciso possuir, em mãos, dados confiáveis e uma análise certeira. Ferramentas de análise de dados podem trazer ao seu controle de estoque informações que farão a diferença na hora da tomada de decisões.

É preciso otimizar a entrega de determinado produto? Algum material está demorando mais do que o normal para chegar até o cliente? Todo o controle da logística de distribuição fica mais claro com a ajuda da tecnologia, que também serve de apoio para justificar à sua equipe e à diretoria da empresa os rumos tomados.

E você, conhece algum outro erro na logística de distribuição que pode ser evitado com o auxílio tecnológico? Escreva pra gente pelos comentários e até a próxima. 

Gostou do nosso artigo? Compartilhe nas redes sociais!

Outras novidades

19.07.2017
É comum encontrar problemas com as entregas quando analisamos a logística de distribuição das empresas.
05.07.2017
As filas no trânsito são um grande problema da logística de distribuição atual e no controle de entregas. Qualquer motorista está sujeito a enfrentar engarrafamentos, seja na estrada, devido a falhas de infraestrutura, ou no momento de realizar a entrega para o...
21.06.2017
O momento da entrega de um pedido é muito importante na conclusão de um atendimento de excelência. De olho na melhoria constante dessa etapa, algumas empresas têm investido na automação logística, mas será que o uso da tecnologia traz resultado?
Todas as novidades